Home » Relacionamento

A impulsividade pode destruir seu relacionamento

16 setembro 2010 8 Comentários       Postado por Mayara Godoy

Se você achou o título drástico demais, aja num impulso e desista de ler esse texto agora. Se não, parabéns, você ainda tem chances de salvar seu relacionamento.

Comecei esse texto assim, “com os dois pés no peito”, para dar a exata noção do que eu quero dizer.

Num relacionamento, muitas vezes, agimos por impulso e iniciamos brigas desnecessárias. Isso sem mencionar quando, nesse mesmo rompante, proferimos acusações e palavras impensadas, que podem complicar ainda mais a situação.

E aí, o que poderia ser uma conversa racional e madura se transforma num escândalo, recheado de palavras esdrúxulas e impublicáveis num site de respeito como este.

É óbvio que um casal deve sempre conversar sobre seus problemas — e, muitas vezes, a conversa se torna uma discussão, mais popularmente chamada de “briga”. Porém, até mesmo durante um conflito há que se manter a cabeça fria e se colocar no lugar do outro, não importando quem está errado.

Sou da opinião de que devemos pensar muito bem antes de falar, para evitar dizer algo de que possamos nos arrepender e que pode, inclusive, ser usado contra nós mesmos no futuro.

Nem vou entrar no mérito de quando a briga passa dos limites… agressões, arremesso de objetos, etc. já ultrapassa o senso aceitável de convivência entre dois seres humanos que supostamente se amam.

O que eu quero dizer com tudo isso é que, na hora da raiva, da fúria, temos mesmo vontade de jogar tudo para o alto, falar tudo e mais um pouco, descontar toda a nossa ira… Mas, na hora em que a poeira abaixa e começamos a pensar nos despautérios que cometemos, bate o arrependimento. E aí, pedir desculpas, até pode acalmar as coisas por um tempo, mas jamais apagará todos os insultos que disparamos na pessoa amada.

Uma vez, duas, vá lá. Mas, se isso se torna frequente, pode ter certeza de que também estará progressivamente debilitando sua relação.

Related Posts with Thumbnails
8 Comentários      Postado por Mayara Godoy
­
­

8 Comentários »

  • Luciana Sabbag disse:

    Falou tudo, Mayara!
    E, muitas vezes, falamos coisas da boca pra fora, só para ficarmos “por cima” da situação… Errado!
    Adorei o post!
    Beijocas

  • Ju disse:

    Sou a favor do “vamos dormir, depois conversamos”. Não discuto com meu namorado quando estou de cabeça cheia, no calor da emoção, vou embora e volto no outro dia, com tudo bem processado para evitar falar besteira e gerar desgaste na relação.

    Odeio também birrinhas, o famoso fazer bico, prefiro uma conversa sincera, sem alterações de voz, onde os dois estão de cabeça fria e dispostos a ouvir um ao outro … só assim pra funcionar. Se os dois lados não cederem um pouquinho sem chance de dar certo.

    E é sempre bom lembrar, convivência a dois é sempre dificil mesmo, temos somente que saber como levar com muito respeito, se colocando no lugar do outro em algumas vezes.

  • Julia disse:

    Também sou como a Ju! Nunca falo as coisas quando estou de cabeça quente. Prefiro pensar direitinho no que vou falar. Como eu e meu namorado já namoramos no ano passado e depois terminamos, a gente conseguiu ‘mudar’ muitas coisas nas quais a gente errava, uma delas são as brigas, que eram frequentes e por motivos idiotas. Hoje não brigamos, apenas conversamos. Quando há uma alteração de voz, pequena que seja, a gente para e pede desculpas.

    Bom, é isso. Nada melhor do que uma boa dose de diálogo pra resolver todas as divergências.

  • Núbia Souza disse:

    Temos que literalmente parar e respirar fundo antes de dizer qualquer coisa em uma discussão, ok que isso muitas vezes não é possível, mas quando isso não acontece a probabilidade da briga só aumentar suas proporções é bem maior.

  • tata disse:

    nada como amadurecer … Excelente post

  • Marília disse:

    Brigas, só desgastam o relacionamento… Mas como evitá-las???

  • Lillian disse:

    oi tudo bem?
    gostei muito do que você escreveu,eu e meu namorado passamos por uma fase dificil em nosso namoro,pq quando as duas pessoas tem uma criação diferente isso gera conflitos,ele é filho unico e a mãe dele controla muito ele e tem ciumes,e de uns tempos pra ela começou a se meter nas brigas de casal,ai fica dificil pq ai eu acabo falando dos defeitos dela,reclamando pra ele e é dificil quando alguém critica nossa mãe eu sei,como ele é filho unico ela o trata como criança e ele já tem 26 anos ele tem horário pra chegar no final de semana,tudo do jeito dela,ainda que melhorou muito,meu namorado me traiu uma vez tbém deu um celinho em uma senhora…kkkkkk,e depois disso sei lá fiquei meio insegura pq se ele bebeu e beijou uma senhora não muito atraente imagina só se aparecesse alguém bem interessante,só que foram aparecendo outros tantos conflitos,até uma pessoa que eu achava q era amiga,ela tentou destruir nosso namoro,só que o amor da gente supera tanta coisa,a gente sempre conversa e tenta resolver a gente sempre acaba concordando que os dois tem que mudar para dar certo,mais o dificil é por em pratica,porque é sempre mais facil um ver o defeito do outro,mais sabe eu evito de falar quando a mãe dele me fala algo que me ofende eu guardava tudo pra mim só q o problema é que eu acabava soltando tudo nele,minha mãe sempre me dizia pra eu não falar mal da mãe dele pra ele pq bem ou mal ela é mãe dele e ele a ama,eu procuro enchergar as qualidades dela não é facil pq ela é muito diferente de mim e de minha família,eles curtem uma fofoquinha e eu não curto muito…rsrsrs,não sou perfeita mais sou mais na minha,vou pedindo a Deus pra me ajudar a aceita-la e ama-la como ela é pra que nosso relacionamento de certo,somos imaturos ainda eu sou caçula e ele filho unico,eu me conciderava uma pessoa bem madura,mais agora c/o meu relacionamento eu percebo que ainda tenho muito a amadurecer.E sei que se um não cede,ta certo que não da pra ceder sempre que ambas as partes devem ceder.Assim vamos tentando amadurecer juntos e um tentando respeitar o espaço do outro,creio que agora vamos conseguir ter um bom relacionamento c/muito dialgo e mais paciencia um com o outro.Desculpe o texto enorme…abraço

  • Aninha disse:

    Mto bom! Se alguém quiser dividir experiências aki tem uma amiga p trok ideia, add meu msn rita_nativista@hotmail.com

Participe! Deixe sua opinião.


Para sua foto aparecer nos comentários:

1. Crie uma conta no www.gravatar.com;
2. Escolha uma foto de sua preferência;
3. Certifique-se de preencher o campo 'email' com o mesmo email cadastrado lá;
4. Pronto! Sua foto irá aparecer em diversos blogs que utilizam o gravatar nos comentários!

Antes de comentar aqui, lembre-se:

* Você é inteiramente responsável por suas palavras, pense direito sobre o que vai escrever.
* Lembre-se que pessoas como você escrevem esse blog, respeito é sempre bom.
* Os comentários dependem da aprovação dos administradores desse blog, isso pode levar algum tempo.
* Nossa intenção é interação com os leitores, suas palavras aqui não serão em vão.

Assim que terminar de escrever o comentário, de um sorriso e clique em "Comentar logo". :P

Adicione seu comentário abaixo, ou retorne para os posts. Você pode comentar subscribe to these comments via RSS.

Seja simpático. Mantenha-se limpo. Permaneça no tópico. Sem spam.

Vocêpode usar as tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>