Home » Coisas dele, Relacionamento

“Amor, hoje é por minha conta!”

11 maio 2011 3 Comentários       Postado por Diego Fávero

Dinheiro é um assunto “chato” pra conversar num relacionamento, não é? Tem casais que são mais abertos, mas a maioria não “gosta” de tocar muito no assunto. Recentemente, saiu uma matéria muito boa onde citava pontos entre o casamento versus o dinheiro, onde chega a dizer que a falta da verdade, quando o assunto é dinheiro, pode acabar em separação. Será que é bem assim?

O assunto dinheiro entra na história do relacionamento, logo no início; nas primeiras saidinhas, nos primeiros jantares, nas primeiras baladas. Afinal, quem paga a conta? O homem presta seu lado cavalheiro e paga tudo ou vamos dividir? Há casais que, rola de pagar quem em melhor condição financeira esteja no momento. Ou “eu pago essa e a próxima você paga”. Tem que haver um consentimento de que as despesas são conjuntas, assim como em todos os pontos da relação.

Hoje em dia, não conheço amigos que namoram ou casaram e possuam uma conta conjunta. Vocês conhecem? Vejo nossos pais, avós, que sempre tiveram a conta conjunta. Mas e agora? Como fica essa história, visto que a conta conjunta de antigamente, era de sua maioria abastecida pelo trabalho remunerado do chefe da casa – pai – e, hoje em dia a história é outra, tendo a mulher também como fonte de renda, já que desde a Segunda Guerra Mundial vêm conquistando altas posições no trabalho, onde há anos esses altos cargos e salários eram ocupados somente por homens.

Hoje a mulher decide se quer ter filho ou não; se a compra na família vai ser realizada ou não e até a cor do carro, quem decide é ela. Ou seja, o dinheiro já não está mais na mão somente do homem em um relacionamento.

Com todos esses novos dados de economia conjunta, surgem mais possibilidades de investimento, de divisões de pagamentos de contas e, o casal que não planejar juntos o futuro dos dois, mais seus filhos e gastarem pensando em si mesmo/mesma, terão problemas no futuro.

Conversar sobre dinheiro é fundamental. Na minha relação, trabalho há bem mais tempo que minha noiva e, no começo eu achava justo eu ter despesas maiores. Hoje, com o consolidamento dela em sua profissão, temos deveres e direitos iguais. Conversamos abertamente sobre o assunto e isso faz com que nossa visão do futuro seja a mesma; o crescimento e expectativas são paralelamente iguais; na mesma proporção e sintonia. Chegamos até ler um livro que davam exemplos de como “enriquecer juntos. Há um post aqui no DdC falando sobre isso.

Não deixem pra mais tarde uma conversa sobre dinheiro ou escondam dívidas, compras e investimentos. O relacionamento possui diversas situações de compartilhamento e, desde um segredo a uma conversa sobre grana é importante que seja feito na mesma igualdade e transparência de todo o romance. Tá certo, falar de dinheiro não é nada romântico, mas esse dinheiro vai levar vocês à muitas viagens românticas no futuro, se for trabalhado conjuntamente desde já.

Related Posts with Thumbnails
3 Comentários      Postado por Diego Fávero
­
­

3 Comentários »

  • Fran Soares disse:

    Acho fundamental que o casal converse sobre dinheiro!
    Aí tem casos e casos neh, existem pessoas que estão em busca de alguém somente para bancá-las, eu já acho que os direitos são iguais, não vejo problema em dividir despesas, afinal a situação não tá fácil pra ninguém não é mesmo!

  • Mayara disse:

    Pra mim, falar de dinheiro é fundamental num relacionamento. Não no quesito de se vangloriar, ou se fazer de vítima. Mas, sim, no sentido de jogar limpo.
    Conheço gente que gasta até o que não tem, se enfia em enormes dívidas no cartão de crédito, para ficar presenteando o outro o tempo todo, para impressionar.
    De que adianta, se essa não é sua realidade?
    Acho que, se um casal pensa em ter um futuro juntos, o dinheiro é um dos principais fatores. E aí, onde vamos morar? Vamos poder bancar o carro que queremos? Podemos continuar saindo bastante, ou devemos ficar mais em casa para economizar? Pra mim, essas questões são preponderantes numa relação…
    Mas, tem gente que “deixa a vida me levar” e não pensa muito nisso, né…

  • Simone disse:

    Adorei o site.

Participe! Deixe sua opinião.


Para sua foto aparecer nos comentários:

1. Crie uma conta no www.gravatar.com;
2. Escolha uma foto de sua preferência;
3. Certifique-se de preencher o campo 'email' com o mesmo email cadastrado lá;
4. Pronto! Sua foto irá aparecer em diversos blogs que utilizam o gravatar nos comentários!

Antes de comentar aqui, lembre-se:

* Você é inteiramente responsável por suas palavras, pense direito sobre o que vai escrever.
* Lembre-se que pessoas como você escrevem esse blog, respeito é sempre bom.
* Os comentários dependem da aprovação dos administradores desse blog, isso pode levar algum tempo.
* Nossa intenção é interação com os leitores, suas palavras aqui não serão em vão.

Assim que terminar de escrever o comentário, de um sorriso e clique em "Comentar logo". :P

Adicione seu comentário abaixo, ou retorne para os posts. Você pode comentar subscribe to these comments via RSS.

Seja simpático. Mantenha-se limpo. Permaneça no tópico. Sem spam.

Vocêpode usar as tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>