Home » Coisas dela, Relacionamento

“Casal não é viver em função do outro… Ser um casal é outra coisa!”

24 agosto 2011 7 Comentários       Postado por Ele / Ela

Por: Camila Granato@ccgranato

Olá! Eu sou a @ccgranato e esta é a minha estreia no Diário de Casal. Atendi ao desafio do meu querido Rafael e resolvi compartilhar alguns pensamentos sobre vida a dois com vocês.

Topei rápido, porque falar sobre vida a dois é algo que entendo um pouco. Tenho um relacionamento de 10 anos, que já passou por pegação, namoro, morar junto e enfim o casamento. Claro, que tudo dentro da sua devida fase. Adoro fases.

Uma coisa que observei em quase todas as vezes que confidenciei isso para alguém, é normal escutar: qual o segredo do seu relacionamento? A resposta é simples – estamos juntos porque queremos. E ponto final.

E sempre complemento dizendo: só que antes desse acerto, errei bastante. Ô!

Não sou das mais velhas, mas já passei e acompanhei muitas histórias mal sucedidas. E em todas elas era fácil observar a desarmonia, que uma das partes sempre queria ignorar. Um exemplo clássico é a pessoa que prefere se anular, para viver uma relação. E é disso que vou falar nesse texto.

casal caminhando
A gente segue o caminho, mas porque queremos seguir!

Essa atitude para mim já fada qualquer relacionamento ao fracasso. Sério. Na minha concepção (respeito se alguém tiver um conceito diferente, mas…) as pessoas tem que estar juntas porque querem e não porque uma abafa tanto a outra, que ela se acomoda.

E isso acontece sim, porque adoramos a danada da zona de conforto. Creio que esse deve ser o maior mau do ser humano. Que nos impede de progredir, de seguir em frente e na grande maioria de sair de um relacionamento onde só uma das partes está interessada.

Exemplo clássico: começou a namorar. A namorada cisma com os seus amigos. Você, para fazer uma social, se afasta deles. Depois, ela cisma com as suas roupas. Você, vai lá e muda seu estilo. E não importa o que você faça. Sempre haverá algo que ela quer que você mude.

Aí surge a pergunta: será que ela realmente gosta de você, ou te achou legal e está querendo te transformar na pessoa que ela sempre quis ter ao seu lado? Tantas mudanças são realmente para o bem, ou para te tornar algo que você não é?

Outra situação bem comum. A pessoa é dependente de você. Não vai ao salão sem te ligar para contar. Não toma mais chopp com as amigas. Abriu mão de toda a sua individualidade, das coisas que ela gosta só para te acompanhar. Vive você 24h por dia.

Pergunta: Por que essa pessoa é tão insegura? Por que essa necessidade constante de atenção e aprovação? Eu realmente sou passional a esse ponto? Eu realmente quero uma pessoa totalmente dependente de mim ou quero uma parceira, alguém com quem construir a vida?

Quando você consegue responder a essas perguntas, algumas outras vão surgir na sua cabeça. E à medida que você responder vai descobrir se essa pessoa está com você porque quer estar com você, ou se ela prefere ter um bichinho de estimação ao seu lado. Pense nisso!

Um beijo e até a próxima!
@ccgranato

Quer participar do Diário de Casal e contar a sua história para o mundo? Não deixe para depois, descubra como fazer parte disso e divida sua história por aqui.

Related Posts with Thumbnails
7 Comentários      Postado por Ele / Ela
­
­

7 Comentários »

  • Amanda disse:

    Olá!
    Eu estava em um relacionamento no qual a relação era de dependência. Claro que não deu certo. Uma hora, a insatisfação aparece e tudo desmorona. Agora, estou entrando em um novo relacionamento. Mas estou mais madura por ter aprendido com os erros do passado. De vez em quando, ainda acho difícil não estar presente em tudo o que a pessoa faz e não saber onde ele está, com quem está etc. Mas, cada vez mais, vejo que é muito melhor estar em um relacionamento no qual podemos compartilhar nossas experiências individuais, somando um ao outro. E mais: gostar da pessoa que está ao seu lado, como ela é, é muito mais fácil e natural, não é mesmo? =)
    Bjs!

  • Camilla disse:

    Não é tão fácil quanto parece sair da acomodação. Quando estamos com alguém queremos agradar. O difícil é achar o limite.

  • @ccgranato disse:

    Sair ou não sair da acomodação deve partir de cada um. É realmente difícil ver que estamos nesta situação e que o relacionamento não é mais essas coisas.
    Por isso é tão necessário parar e pensar sobre isso às vezes. Não viver na avaliação, mas refletir sobre o relacionamento é bem saudável.

  • Kel disse:

    ótimo post. é realmente dificil o casal se enxergar nessa situação….

    é cômodo pra quem se anula, porq faz d tudo pra agradar e nunca ser abandonado, pq faz tudo certinho. E pro lado que tem um bichinho de estimação, acha q nao precisa de mais nada.

    Sempre evitei relação de dependência, passei por um relacionamento que assim como do post teve fases, mas, no momento morar junto, vi que estava me anulando pra manter, e como a Amanda disse: uma hora a insatisfação aparece…

    Eu sempre reflito sobre meus relacionamentos. Se estou feliz e por qual motivo. Assim, como reflito sobre a opinião do outro e suas razões. Depois, chamo para um bate-papo pra confirmar se há sintonia ou se é preciso aparar as arestas…

    Parabéns, muito sensato e verdadeiro o post.

  • Coelli disse:

    Quando tive meu primeiro namorado, ele tinha um estilo meio que apagado, e confesso que mudei o estilo dele e isso não o incomodou, pelo contrário, ele fazia questão que o ajudasse a mudá-lo. Então, a partir do momento que isso não estar prejudicando ninguém e a pessoa que estiver com você aceita isso, não vejo como uma forma de crítica negativa sobre essa questão de estar por estar ou ser um bichinho de estimação!

    att.

  • @ccgranato disse:

    Coeli,

    Se foi bacana, se foi realmente para melhorar que bom que você repaginou o estilo do seu ex. Mas tem gente que exagera e que não quer que a pessoa tenha mais brilho, como foi o seu caso. E sim, quer que a pessoa seja um ideal, que mude completamente. Aí fica complicado.

    Bjs

  • Dana disse:

    Eu estou vivendo essa relação de dependência. Eu quero contar tudo sobre mim a todo momento, quero incluir ele em tudo que eu faço, fico chateada quando faço algo que ele não pode participar, e gostaria que ele me incluisse em tudo também. Não gosto quando ele encontra uma amiga, pois ele só encontra ela sem mim, os dois já tiveram conversas muito fortes pra quem é só amigo, e mesmo assim eles conversam como se eu não existisse. Eu queria muito que ele visse que me desrespeita e falasse sobre isso com ela, mostrasse que eu sou importante pra ele, e que essa situação acabasse. Enfim, nossa relação é bem complicada, desde o início, por outros fatores, mas a gente continua junto, e eu faço um esforço enorme pra continuar junto. Do jeito que está escrito aí, parece que é fácil analisar a situação e tomar uma decisão, mas quando a gente gosta de alguém, mesmo que já se tenha errado bastante e as coisas não sejam como a gente quer, a gente quer tentar, quer melhorar, pois não dá pra mandar no que o coração sente. De qualquer jeito, estou fazendo acompanhamento com uma psicóloga pra me auxiliar nessa relação de dependência, espero poder salvar algo de bom que ainda tenhamos juntos e não me anular mais.

Participe! Deixe sua opinião.


Para sua foto aparecer nos comentários:

1. Crie uma conta no www.gravatar.com;
2. Escolha uma foto de sua preferência;
3. Certifique-se de preencher o campo 'email' com o mesmo email cadastrado lá;
4. Pronto! Sua foto irá aparecer em diversos blogs que utilizam o gravatar nos comentários!

Antes de comentar aqui, lembre-se:

* Você é inteiramente responsável por suas palavras, pense direito sobre o que vai escrever.
* Lembre-se que pessoas como você escrevem esse blog, respeito é sempre bom.
* Os comentários dependem da aprovação dos administradores desse blog, isso pode levar algum tempo.
* Nossa intenção é interação com os leitores, suas palavras aqui não serão em vão.

Assim que terminar de escrever o comentário, de um sorriso e clique em "Comentar logo". :P

Adicione seu comentário abaixo, ou retorne para os posts. Você pode comentar subscribe to these comments via RSS.

Seja simpático. Mantenha-se limpo. Permaneça no tópico. Sem spam.

Vocêpode usar as tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>