Home » Arquivos

Arquivos em Crônicas Category

Crônicas »

[28 jul 2014 | 1 Comentário | ]

Toca o telefone*. É ela.
Hoje teremos um almoço entre amigos, algo que se tornou rotina em nossas vidas. Por muito tempo ficamos isolados mas decidimos, juntos, que o melhor é estar e permitir a constante presença dos diversos amigos que os anos nos trouxeram. Ela já adianta as ideias que teve, os detalhes que quer na mesa, o menu do que será feito e quais os ingredientes comparemos para realizar tudo. Eu falo sobre a cerveja que quero comprar, sobre o tipo de música que devemos colocar e já imagino …

Coisas dela, Crônicas, Poesia, Relacionamento »

[29 abr 2014 | Comente! | ]

Eu não quero a sorte de um amor tranquilo.
Pode ser turbulento.
Pra falar a verdade, até prefiro que seja.
Que mexa comigo.
Que me tire o fôlego.
Que me roube o chão.
Não quero um amor de conto de fadas.
Quero um amor de filme de ação contra tudo e contra todos.
Que exploda.
Que pegue fogo.
Não espero por um amor perfeitinho.
Quero um amor errado.
Errado como eu.
E que a gente se acerte nas nossas imperfeições.
Não espero uma carruagem e um príncipe encantado.
Posso dirigir meu próprio esportivo e buscá-lo em casa.
Podemos planejar a fuga na hora.
Não precisamos ter rumo.
Nem …

Amor, Crônicas »

[22 abr 2014 | 1 Comentário | ]

Você está lá, curtindo a noite de domingo com seu namorado, quando de repente você pega o controle remoto e muda de canal bem na hora que ele estava assistindo os gols do final de semana. Pronto. Começa-se brigas reclamando de coisas que incomodam um ao outro:

– Você tem uma mania péssima de mudar de canal quando estou assistindo futebol;
– Odeio quando você masca chiclete com a boca aberta;
– Por que você não abaixa a tampa do vaso sanitário depois que usa?
– Aquela sua amiguinha comentou de novo sua foto!
– Me dá atenção! Você não desgruda desse celular.

Coisas dele, Crônicas »

[5 fev 2014 | Comente! | ]

Esta noite, cheguei em casa cansado de mais um dia de trabalho.
Pela manhã, mal deu tempo de te mandar uma mensagem. Dia árduo.
Entro e seus chinelos estão no canto da sala.
Deixo a janela aberta para o vento soprar e, na lembrança, te recordar.
Enquanto preparo algo para comer, lavo a louça do nosso último jantar.
Entre taças de vinho, um sorriso no rosto.
Um simples esboço do amanhã a chegar.
Enquanto assisto ao jornal, encontro no sofá seus fios de cabelo.
Como você já disse, “é um território a demarcar”.
Acho tanta graça que não há …

Crônicas »

[4 fev 2014 | Comente! | ]

Talvez você ache meu café forte demais.
Talvez você analise minha coleção de DVDs e conclua que, no fim das contas, meu apetite cinematográfico não é tão requintado assim.
Talvez você não entenda minha mania de organização ou meu mau humor matinal.
Talvez você não suporte minha preguiça de domingo à tarde.
Talvez você ache estranho eu ter tantos utensílios de cozinha e tão pouca comida na despensa.
Talvez você ache engraçado o fato de eu nunca usar o conjunto certo do pijama.
Talvez você queira desistir quando me vir usando touca de banho.
Talvez você ria …

Coisas dela, Crônicas »

[17 jan 2014 | Comente! | ]

Eu já esqueci o aniversário da minha mãe. Já esqueci a senha do banco. Já esqueci os óculos e fiquei enxergando mal o dia inteiro.
Eu vivo esquecendo a carteira. Esqueço a comida no fogo. Volta e meia esqueço a janela de casa aberta.
Esqueço das consultas marcadas. Nunca me lembro da quantia de água com que devo regar as plantas. Quase sempre esqueço as luzes do carro acesas.
Pelo menos uma vez por semana esqueço de tomar meu remédio da enxaqueca e perco o carregador do celular.
Mas… me lembro até hoje da …

Crônicas, Surpresa »

[9 jan 2014 | Comente! | ]

3:12 AM. Toca o telefone.
Atendo. Do outro lado, uma voz rouca e embriagada.
_Quero te ver.
Reconheço seu timbre. Mas sou obrigada a recusar seu pedido. Ao meu lado, outro alguém dorme.
Em qualquer outra situação, você nem precisaria ligar. Sempre o fez por pura gentileza, pois nunca quis usar a cópia da chave que eu te dei.
Mas, pela primeira vez, não fui te receber com aquele sorriso e a cara inchada de sono, que você tantas vezes me disse adorar.
Pela primeira vez, ouvi sua voz doce emudecer por um tempo e dar …

Crônicas, Relacionamento »

[4 nov 2013 | Comente! | ]

* Texto recebido por e-mail. Autor: Pe. Paulo M. Ramalho
Este texto, recebido por e-mail, retrata exatamente o que muitos namoros deixam-se cair na chamada “rotina” e vai-se perdendo o encanto. Veja como gestos simples fazem um relacionamento mais saudável e duradouro.
Como todos vocês sabem, o amor não pode parar. Como dizia Santo Agostinho com relação ao amor a Deus, o que também é aplicável a todos os amores, “se disseste basta, pereceste”.
Nesse sentido, como é bonito um testemunho que ouvi uma vez de uma mulher, casada havia dez anos, que dizia …

Crônicas, Histórias »

[2 out 2013 | Comente! | ]

Para muitos, falar sobre casamento é algo que só ocorre em relação as festas e celebrações alheias. A ideia de morar junto de alguém, começar uma família e sentir na própria pele aquilo que amigos, parentes e atores das novelas (quando fazem papel de casados) sentiram na pele um dia, nunca passou pelas suas cabeças. E não é de estranhar que muitos temam por isso, afinal tudo o que é novo é estranho de alguma forma. Mas vai chegar um dia em que falar disso vai parecer mais do que …

Amigos, Amor, Crônicas, Relacionamento, Surpresa »

[30 set 2013 | 1 Comentário | ]

Quem vive de passado é museu. Quantas vezes nos pegamos pensando “como meu antigo namoro era bom”… comparando tantas coisas com o atual .. “nesse ponto meu ex era melhor”.. “acho que eu era mais feliz com minha ex”. Pare tudo! Primeiramente: não compare namoros. Nenhum é melhor ou pior que o outro; cada um teve sua particularidade e seus momentos de felicidade, afinal, quando você estava com seu ex, não era você que vivia dizendo ser a pessoa mais feliz do mundo. Pois é, e agora diz novamente.

Você pode …

Related Posts with Thumbnails