Home » Artigos, Histórias, Relacionamento

Confiança x Ciúmes

7 abril 2010 13 Comentários       Postado por Danilo Picucci

A grande maioria das pessoas diz que a confiança é à base de todo o relacionamento, que com confiança uma relação existe e dura o tempo que for. E ao mesmo tempo 99% das pessoas sentem ciúmes da parceira (o), aquele sentimento incômodo de que alguém está roubando o que é seu.

A partir daí vem à pergunta, se você confia (ou diz que confia!) no seu namorado (a), porque que sente ciúmes?  Da onde vem esse sentimento irracional? Eu também não sei a resposta, mas afirmo: um está diretamente relacionado com o outro.

A confiança não é algo simples, assim como “eu te amo”, a frase “eu confio em você” é banalizada. Eu vejo pessoas falando isso para outras sempre, em situações absurdas, conheceu alguém faz duas semanas e já sai falando que confia cegamente na outra.

Confiar significa botar a mão no fogo pela pessoa, ter 100% de certeza que tudo que aquela pessoa te diz é verdade. Agora reflitam alguns segundos: por quantas pessoas vocês sentem isso de verdade?

Vocês vão perceber que são poucas, bem poucas.

Então porque temos coragem de falar para alguém que confiamos? Porque dizemos ao nosso companheiro que confiamos se na verdade não conseguimos nem aceitar a idéia de que essa pessoa vá a uma balada/festa sozinha?

- E no final da discussão sempre vem aquela velha pergunta: “Mas você não confia em mim?

- E a resposta sem sentido: “Confio, mas sinto ciúmes” – Para os não orgulhosos, claro, pois esses preferem o silêncio ou a ignorância.

Vivendo e aprendendo

Vou relatar aqui um caso que aconteceu comigo, que foi bobo vendo agora pela perspectiva racional, mas que na hora foi fod*!

Era um final de tarde normal no começo do ano passado, eu estava na faculdade e minha namorada teoricamente estava na casa dela. Ela não trabalhava na época e sempre saia da faculdade e voltava pra casa, salvo exceções era a rotina dela.

Após concluir o que estava fazendo, decidi ligar pra ela, eu liguei umas 4 vezes sem sucesso, caía na caixa postal após alguns toques. Esperei uns 20 minutos e liguei de novo, dessa vez no 5º toque atendeu, mas estava mudo, eu chamei “Alô?” e do outro lado veio uma voz de grossa de homem em resposta “Alô?” e logo depois ficou mudo e veio o som de “tututu” significando que a ligação tinha sido encerrada.

Na hora o sangue já subiu na cabeça e fiquei imaginando quem era o cara que tinha atendido o celular da minha namorada e onde ela estaria, fiquei maluco! Em seguida liguei na casa dela e pra minha surpresa….ela que atendeu! Fiquei meio confuso, mas ainda desnorteado perguntei “Onde você ta? Quem que está ai com você?” ela não entendeu nada e pediu que eu me acalmasse.

Respirei fundo, perguntei de novo, ela falou que tava em casa e que tava com a mãe dela, e me fez ouvir a voz da mãe do lado. E tipo, era óbvio que ela tava em casa! Eu liguei na casa!!! Respirei fundo e expliquei pra ela o que tinha acontecido, ela disse que o celular tocou e que ela atendeu, mas que a ligação tinha ficado muda.

Resumo, quando liguei a ligação deve ter cruzado com alguém devido ao sinal de telefonia (isso é possível, eu pesquisei!), ou o que eu ouvi foi apenas o eco da minha voz devido a algum problema na ligação. A questão é que ela não tinha feito nada, e eu quase briguei feio com ela por pura desconfiança idiota…

Óbvio que logo depois veio a conversa sobre confiança, e com razão, eu tinha sido bem babaca…mas ela entendeu que eu tive um motivo e acabou ficando tudo bem. Hoje a gente se lembra da história e ri, tamanha a bobeira dos meus ciúmes naquele momento.

E vocês o que acham sobre ciúmes, está diretamente relacionado com confiança? Dividam conosco suas histórias se tiverem!

Related Posts with Thumbnails
13 Comentários      Postado por Danilo Picucci
­
­

13 Comentários »

  • Diego Fávero disse:

    hahahaha que nervoso hein! É, acho que 100% de confiança, impossível. O jeito é tentar chegar o mais próximo disso. Só o tempo nos dará isso. Ciúmes é normal do ser humano; quem gosta, sente ciúmes .. por mínima que seja. Pode até não assumir, mas sente. Sentimos até de amigos, pq não de namorada, né?!! Abs

  • Alê Ferreira disse:

    Não concordo com seu post. Ele generaliza e de certa forma não entende quem tem insegurança com si mesmo, e não com o outro.
    Há uma forma de se sentir enciumado, por estar com sentiment de insuficiência. Além de mil outras coisas…

  • cottonboy disse:

    Eu sou uma pessoa bem paciente, mas, se tem uma coisa que eu não suporto é ciúmes. Por mim, tudo bem ter um leve ciúme, mas em casos extremos (tipo esse do seu post hehe) se fosse comigo teria mandado pastar na hora (a não ser que goste muito da pessoa e daí dê uma segunda chance).

    Ciúme é uma coisa desagradável e não agrega nada ao relacionamento. Só atrapalha e desgasta… então, para quê tê-lo?

    (e que fique bem claro que se importar com a outra pessoa e sentir ciúmes, pra mim, são coisas completamente diferentes. Ciúme é muita insegurança… medo de perder.)

  • Joice Viana disse:

    Esse negócio de ciúme é muito polêmico. Cada um tem um jeito de lidar com isso e eu acho que ninguém fica imune, apenas existem aqueles que não dão muita trela pra desconfiança, pra ela não chegar a proporções absurdas. Eu sou ciumenta PRA CARALHO. E se alguma vez na relação minha confiança for traída, aí neguim, fodeu de vez. Ainda vou escrever sobre isso pra dar uma exorcizada nos meus demônios internos.

  • Danielle disse:

    Oras bolas se não é meu namorado que anda escrevendo por aqui :P !!

    Tenho que discordar de você amor, eu sempre digo que confiança é a base do relacionamento, mas como toda base ela estremece.. ai vem a pergunta como assim estremece?já que não existe confiança 32% em alguém, ou se confia ou não se confia, então estremecer significa não confiar? errado, a confiança estremece porque algumas situações acabam deixando a base, ou o namoro em si abalado, isso abala também a tal da confiança, se ela é abalada não significa que você não confia, significa que por um instante o seu ciumes tomou conta da sua visão e mesmo assim não tem relação alguma com confiança, tem relação como MEDO, medo de perder a pessoa amada, medo de não ser suficiente,e isso não tem ligação nenhuma com confiança!Você pode achar que fulana dá em cima do seu namorado, ficar triste, insegura e por isso acabar brigando um pouco(ou muito dependendo do caso) com o seu amado e isso não ter nada a ver com confiança… você confia nele, mas não confia nela… e quem garante que ela não vai tentar beijar ele? e se ela beijar? de quem é a culpa? na balada é o mesmo exemplo, é um lugar propício pra isso, muitas vão só para dançar(falo isso porque eu vou só pra dançar) mas muitas não vão, e se elas resolvem cortejar o seu amado? se insinuando pra ele? e se ele por instinto aceita? do mesmo jeito que você se apaixona pela pessoa depois de conversas, beijos entre milhões de outras coisas você pode se apaixonar por outra, nesse exemplo fica claro que o ciúmes não é totalmente ligado a confiança, OBVIO que tem casos que o ciúmes ocorre porque não existe confiança, vai ver o cara é um baita do canalha, pega várias, você sabe disso mas ama ele … daí você ama por isso tem ciúmes e não confia então tem mais ciúmes ainda, o PIOR é quando você acha, ai a casa cai ! porque se já não confiava, se já tinha um pézinho atrás agora então já tem o braço e logo mais o corpo inteiro. Atire a primeira pedra quem nunca sofreu por amor, levante os braços quem nunca perdeu um amor pra outra pessoa, ou para outraS pessoaS, levante o corpo inteiro quem nunca, em momento algum sentiu se quer um ciúmeszinho que seja, daquele amigo que não para de ligar, daquela ex que vive mandando mensagem, daquele cara que manda flores e não é você. Sejamos sinceros quem ama sente ciúmes, se não sente ciúmes não ama(não estou falando de ciúmes neurótico, e sim do ciúmes ” medo de perder “) e quem confia também sente ciúmes, porque se confia não quer perder aquilo que é a única coisa em que se pode confiar.

    Te amo meu amor, seu texto está muito bem escrito e eu sou sua fã número um … e AÍ de quem quiser ser também :P

    da sua ciumenta que confia 100% em você.

  • Thiago Lopes disse:

    Primeiramente gostaria de parabenizar o blog. Muito bom mesmo e com muito conteúdo!

    Este assunto é bastante polêmico, sim! Mas temos que perceber que a maioria de toda a polemica é causada pela nossa cabeça que cisma em “procurar pelo em ovo”.

    Portanto, sem mais delongas, vou direto ao meu ponto de vista.
    Como escritor de um blog que ensina homens a conquistar mulheres eu acredito que ambas as pessoas devem ter claro em sua mente o seguinte: Cada um tem sua própria vida. O relacionamento nao é o FIm, mas sim o MEio para se alcançar uma vida mais prazeirosa e feliz.

    Quanto mais desencanado de ciúmes voce for, mais a pessoa vai corresponder e menos ciúmes terá. (para isto dar certo, voce precisa mostrar que nao encana com ciumes nem pega no pé, logo no inicio do relacionamento).

    Tire os pensamentos ruins da sua cabeça. Confie e deixe a pessoa sair sozinha e fazer o que quiser. Lembre-se que se voce faz seu papel de namorado e amantes da pessoa, nao deve temer traição.

    Mesmo assim, deixe claro também que, apesar de n ser ciumento, caso ocorrer uma traicao um dia, “é cada um p um lado” seja firme nesta decisao, pois mostra que voce é uma pessoa de princípios.

    Sucesso!

    Thiago Lopes
    Blog Confiança e Sedução

  • marianna disse:

    Pra mim nao existe uma confiança 100% isso pq estamos sempre construindo e desconstruindo estes laços arranjando e rearranjando, temos momentos em que chegamos quase a totalidade da tal da confiança, mais ai vc pega uma conversinha e bem provavelmente o q era uns 90% cai um pouco ai. E como se fosse uma gangorra vevendo em um sobe desse dependendo exclusivamente das situaçaos que vivemos das relaçoes dos acontecimentos, ciumes e confiança TODO MUNDO TEM!

  • cris disse:

    Gente, to morrendo de ciumes do meu love, e ele esta muito bravo comigo que faço?!

    não quero perder ele!

  • Danilo (author) disse:

    Cris, apenas seja paciente e tente pensar sozinha e racionalmente um pouco e veja até que ponto os seus ciúmes são razoáveis.

    Analise a situação por inteiro e tente imaginar todas as possibilidades!
    Lembre-se de que sua mente vai tentar te enganar imaginando que com certeza ele está errado, então tente pensar que ele pode estar certo tambem.

    Após vc ter claro na sua cabeça as possibilidades existentes, tente conversar com ele calmamente e ouça o que ele tem pra dizer.

    Sentar e conversar é sempre a melhor solução, mas desde que ambos os lados façam isso sem pedras nas mãos.

    Boa Sorte!
    ;)

  • Vítor disse:

    Pessoal, achei bem proveitoso alguns comentários aí.
    Eu sou do tipo do cara, que prefiro a honra à vida.
    Sempre procurei ser uma pessoa decente e honrar todos os meus compromissos, odeio ser passado por bobo.
    E já ví muitas histórias de homens, que tiveram o desgosto de descobrir traições aparentemente impossíveis.
    Por isso acho muito difícil confiar em qualquer mulher, isso é muito ruim pra mim, faço o máximo pra não estressar minha namorada com isso.
    Mas confesso que é muito difícil, toda vez que escuto uma história de traição, me sinto na pele do caboco que ta sendo traído, acho que vou começar a participar desses blogs de relacionamento com minha namorada, pra gente relaxar um pouco e conversar mais sobre isso.
    Abraço!!!

  • Manuel disse:

    Tenho 52 anos. Vivi minha adolescência e juventude no Rio. Casei com 19 anos. Meu casamento durou 31 anos( com algumas aventuras – que eu saiba apenas minhas-) .
    Meu atual namoro tem quase dois anos (sem traição da minha parte).
    Resumo o seguinte:
    A pessoa certa- (aquela que nos dá um “click”), na hora certa ( quando estamos mais disponíveis – seja mero “flirt” ou carência afectiva (que pode ser por muitas razões), no local certo (onde não seremos descobertos nem nos obriga a muitas peripécias)…. e já está! –
    sei que muitos vão dizer: – Comigo não!
    Respondendo antecipadamente:- kkkkkk conta a do papagaio porque um dia você será “bemvindo ao clube”

  • vania disse:

    tenho 45 anos 30 q conheço meu marido .8 de namoro e25 de casada .sou ciumenta .ele ja me deu varios motivos ..mas a 3 anos e meio estou em uma crize conjugal .agora o ciumes a desconfiança piorou ..amo muito ele .mas sinto q cada dia q passa estamos destruindo nosso amor ..eu nao concigo mais confiar nele ..nao quero perder o q fazer ?

  • Iana Mirla disse:

    muito legal a historia de vcs….o fato é que por mais que agente tenta, conta oq aconteceu e td mais a pessoa ainda desconfia de vc…é foda..

Participe! Deixe sua opinião.


Para sua foto aparecer nos comentários:

1. Crie uma conta no www.gravatar.com;
2. Escolha uma foto de sua preferência;
3. Certifique-se de preencher o campo 'email' com o mesmo email cadastrado lá;
4. Pronto! Sua foto irá aparecer em diversos blogs que utilizam o gravatar nos comentários!

Antes de comentar aqui, lembre-se:

* Você é inteiramente responsável por suas palavras, pense direito sobre o que vai escrever.
* Lembre-se que pessoas como você escrevem esse blog, respeito é sempre bom.
* Os comentários dependem da aprovação dos administradores desse blog, isso pode levar algum tempo.
* Nossa intenção é interação com os leitores, suas palavras aqui não serão em vão.

Assim que terminar de escrever o comentário, de um sorriso e clique em "Comentar logo". :P

Adicione seu comentário abaixo, ou retorne para os posts. Você pode comentar subscribe to these comments via RSS.

Seja simpático. Mantenha-se limpo. Permaneça no tópico. Sem spam.

Vocêpode usar as tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>