Home » Coisas dela, Histórias

Lembranças… e agora?

22 agosto 2012 4 Comentários       Postado por Ele / Ela

Por: Caronella | @caronella

É muito complicado admitir quando sentimos falta, saudade de um/a ex-namorado/a. É, sim, eu sei! Não precisa ficar tímido, pode balançar a cabeça e concordar comigo agora. Isso não faz de você um alienígena ou um carente que precisa desesperadamente de afeto. Quer dizer, talvez você até seja um carente desesperado, mas não é apenas por isso que voltou a pensar nele/nela.

As lembranças são inevitáveis e, consequentemente, a saudade também. Sim, são coisas inevitáveis, aceite! Foram muitos momentos, muitas histórias, muitas risadas, choros, brigas, abraços, intimidades. Nada disso é como giz na lousa. Quando essas lembranças vierem, respire fundo. Aceite! Não tente negá-las, elas não merecem isso. Independente de qual fim teve o relacionamento ou quanto tempo durou, ele existiu. E deixou marcas, talvez muitas, talvez poucas, mas certamente infinitas – sim, infinitas, não é exagero meu.

Saudade

Relembrar não quer dizer que você queira loucamente voltar atrás. Talvez, sim. Enfim, o que quero dizer é que reviver em memória é, nada mais, nada menos, que falar para si “olha como fui feliz!” ou ainda “olha como já fiz alguém feliz!”. E, poxa, se isso não é super bacana, meu conceito de ‘super bacana’, então, não faz mais sentido – quer dizer, ‘super bacana’ já não faz muito sentido pra menores de 18, mas tudo bem, ok.

Sei que parece batido, mas não se martirize! Tenho passado por esse momento de relembranças e, olha, tem sido muito bom. É inacreditavelmente bom admitir, mesmo que em silêncio, o quanto foi bom o tempo gasto junto a outra pessoa que fora tão especial.

É o mesmo sentimento que se tem ao terminar de ler um livro que lhe satisfez por demais. Você dá o mesmo sorriso, faz a mesma cara de quem diz “valeu a pena!”. E valer a pena é o que lhe impulsiona a continuar a ler mais e mais livros, sem hesitar, não é? E até mesmo a ler novamente um livro antigo…

Então, acredite, com relacionamentos não é muito diferente. E, quem sabe, num seja mesmo a hora de arriscar uma maravilhosa releitura?

Related Posts with Thumbnails
4 Comentários      Postado por Ele / Ela
­
­

4 Comentários »

  • Karine disse:

    As vezes lembramos de ex e na mesma hora tentamos esquecer… Mas você tem razão quando diz que não precisamos negar, nem fugir disso, é natural.
    As vezes eu lembro: nossa, eu fiquei 4 anos com a mesma pessoa. Por mais que tenha acabado, estar todo esse tempo com alguém é uma conquista e tanto. Ser capaz de estar com a mesma pessoa por tantos anos é algo maravilhoso.
    Quando estamos no relacionamento isso é algo que não prestamos tanta atenção… hoje eu já namoro novamente, há poucos meses, e penso: imagina só, isso é só o começo de uma história maravilhosa que eu estou escrevendo!
    Mas as lembranças ainda estão aqui… um lugar, uma piada, um filme, uma música… A gente termina um relacionamento, mas é como se parte da pessoa ainda ficasse com a gente.
    Infelizmente hoje eu e meu ex nem nos falamos, pois brigamos demais nos últimos tempos. E, com isso, fica difícil pra mim lembrar das coisas boas. Mas eu ainda espero um dia poder relembrar as coisas boas, sem mágoas.

  • Jacqueline Tatiani Pereira disse:

    Ai Carol…
    Obrigada por transformar meus sentimentos em palavras…

    As vezes as pessoas evitam o passado por despeito, por medo de lembrar que houveram muito mais coisas boas do que ruins…

    É necessário respeitar o que passou…
    Ter carinho pelas lembranças não significa querer voltar no tempo. É um passo imprescindível para maturidade ter esse discernimento.

  • Claudia Carolina Andrade Perea disse:

    :/

  • Jaison Demétrio disse:

    eh complicado, pois a cada dia a gente vai percebendo que "era" feliz e nem sabia e tudo que passamos juntos não foi perda de tempo, foi sim viver um amor…. sentir saudade:normalmente percebemos que gostamos realmente de uma pessoa quando não estamos perto dela e a saudade aperta… muitas vezes a convivência diária nos afasta (por incrível que pareça) estamos tão perto e tão longes um do outro ao mesmo tempo… o importante é viver cada momento com intensidade, aproveitar a companhia um do outro o tempo q for possível, o amor e a felicidade não ocupam espaço, por isso é tão difícil percebemos quando eles estão acontecendo e normalmente só nos damos conta quando já passou…

Participe! Deixe sua opinião.


Para sua foto aparecer nos comentários:

1. Crie uma conta no www.gravatar.com;
2. Escolha uma foto de sua preferência;
3. Certifique-se de preencher o campo 'email' com o mesmo email cadastrado lá;
4. Pronto! Sua foto irá aparecer em diversos blogs que utilizam o gravatar nos comentários!

Antes de comentar aqui, lembre-se:

* Você é inteiramente responsável por suas palavras, pense direito sobre o que vai escrever.
* Lembre-se que pessoas como você escrevem esse blog, respeito é sempre bom.
* Os comentários dependem da aprovação dos administradores desse blog, isso pode levar algum tempo.
* Nossa intenção é interação com os leitores, suas palavras aqui não serão em vão.

Assim que terminar de escrever o comentário, de um sorriso e clique em "Comentar logo". :P

Adicione seu comentário abaixo, ou retorne para os posts. Você pode comentar subscribe to these comments via RSS.

Seja simpático. Mantenha-se limpo. Permaneça no tópico. Sem spam.

Vocêpode usar as tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>