Home » Coisas dela

Quando menos se espera, o amor vem

5 agosto 2010 8 Comentários       Postado por Ele / Ela

* Por Thais Xavier

Sempre fui uma garota que adora curtir a vida, curtir os momentos dados por Deus. Porém, não entendia muito sobre o amor. Sempre achei que era a sabichona, que sabia de tudo, mas, não. Paquerava uns, ficava com outros, e não dava duas semanas, já achava estar gostando da pessoa. Sim, eu era bobinha, e quando via que não ia dar em nada, ficava mal, e usava isso como uma desculpa pra curtir mais ainda com as minhas amigas. Em 2007, conheci o Augusto, numa festa junina. Por incrível que pareça, na época, ele era primo do namorado da minha prima, e até então eu não sabia… Começamos a nos curtir, e começamos a ficar. Eu sentia que era ele o cara, eu sentia meu coração palpitar sempre que o via, pensava nele 24 horas por dia, fazia de tudo pra estar perto dele. Eu achei que daria num relacionamento sério, certeza, porque, pra mim, ele também sentia o mesmo por mim.

Sempre fui carente e mimada por todos, estava acostumada com isso, então, o primeiro que surgisse que me fizesse um afago, eu estava achando que poderia sair um namoro. Hoje já não não sou mais assim… Então, depois de quatro semanas de “ficadas” com o Augusto, rolou uma festa, e ele não foi, porque tinha ido à praia. E eu fui com alguns amigos dele, que haviam se tornado os meus também. Nessa festa, o inesperado aconteceu: um amigo dele deu em cima de mim descaradamente. Eu fugia dele o tempo todo na festa, ou seja, não rolou nada entre nós, porque não seria certo, mesmo eu ainda ficando, era fiel ao Augusto.

Quando o Augusto chegou da praia, ficou sabendo dessa história, porém com algumas mentiras, do tipo que eu havia ficado com o amigo dele e tal… Então, já dá pra saber o que aconteceu, né? Ele disse que não queria ficar mais comigo, e me inventou um monte de desculpas… E, pra piorar a situação, uma amiga minha, que já havia ficado com o Augusto em outros tempos, disse que ele tinha se declarado pra ela, que ele nunca me quis, que fazia isso pra ficar próximo dela.

Fiquei realmente muito mal. Me trancafiei durante uns dias em casa, porque meu sentimento por ele era totalmente escondido, eu não queria que ninguém soubesse, a não ser minhas melhores amigas. O tempo passou, e eu e o Augusto perdemos o contato. Nos encontramos sem querer algumas vezes ainda em 2007. Era inevitável olhar pra ele, sentir o coração pular. Eu ainda gostava, mas fazia de tudo pra não demonstrar. Então, em 2008, em junho voltamos a nos falar por MSN, e ele lembrou do meu aniversário, veio até minha casa e me trouxe flores. Sim, foi muito inesperado. Passamos a nos falar todos os dias, e em agosto ele me pediu em namoro. Eu aceitei, mas com um pé atrás, pensando que aquilo poderia ser mais uma das artimanhas dele pra ficar próximo à Barbara, que não é mais minha amiga.

Até que não demorou muito para os boatos voltarem a surgir, e dessa vez quem não aguentou fui eu. Terminei o namoro, não aguentava essa pressão de boatos. E ele não fazia nada pra desmenti-los. Foi difícil, mais acabei fazendo isso. Ele foi insistente, pediu pra voltar inúmeras vezes, fez até a maior das declarações, a coisa mais linda, e eu estava decidida a não voltar mais, não queria aquilo pra mim, embora ainda o amasse. Em um desses pedidos para voltar, eu menti. Disse na cara dele que não o amava mais, pois estava gostando de outro cara, e inventei um nome (Thiago), para ele acreditar. Isso foi o fim para o Augusto. Ele ficou mal, e eu também. Nosso namoro nunca havia sido bem aceito pela minha familia, tínhamos estruturas diferentes, então tudo foi juntando… Por coincidência, em 2009, conheci um Thiago e começamos a namorar. Fui pedida em casamento e aceitei. Eu não o amava, sempre amei o Gugu.

Fiquei praticamente todo o ano sem vê-lo, estava tudo certo… Até que encontrei o Augusto no ponto de ônibus. Tinha acabado de descer, pra ir pra casa, e ele estava lá parado com os amigos. Nos olhamos na mesma hora, e a cara dos dois foi a mesma: um misto de alegria com surpresa. Nos cumprimentamos, e ele reparou que eu estava com uma revista de noivas. Ele até brincou comigo: “vai casar?”. E eu respondi “sim”… Os olhos dele ficaram marejados. Então, ele me fez companhia até em casa, e começamos a conversar no caminho sobre tudo, até sobre o nosso namoro. Foi quando descobri que todos os boatos, toda aquela conversa fiada da Bárbara, era mentira. Contei pra ele, porque achei que ele sabia de toda a história e ele não sabia de nada. Ele dizia que era muito difícil ficar sem mim, que a vida dele estava andando em sentido contrário, e eu senti que era verdade. Meu namoro com o Thiago não estava bem, brigávamos todos os dias, e na mesma semana em que vi o Gu, terminei com o Thiago. Mas terminei antes de vê-lo, foi tudo pura coincidência, não tive coragem de contar a ele que tinha terminado com o Thiago.

Até que minha melhor amiga contou para o Gugu que eu estava solteira. Ele não acreditou, veio até mim na mesma hora e me beijou, me abraçou, me pediu perdão chorando, porque não sabia de nada que tinha acontecido, das coisas que tinham me falado. Mas eu disse que queria um tempo. Ele me deu todo o tempo necessário. Saíamos juntos, mas até então não namorávamos ainda, nem ficávamos… Estávamos nos “conhecendo” novamente.

Até que em janeiro desse ano aceitei o pedido de namoro. Estamos juntos e vivemos a mais linda história de amor. Todo esse tempo separado aconteceu para fortalecer o que sentimos um pelo outro. Hoje tudo dá certo. Ele é bem aceito por todos aqui em casa, nossas famílias se dão bem, é um amor puro, real. Não tem quem não sinta que nos amamos muito, até meus avós, que são mais difíceis de aceitar, dizem que veem os amor em nós…

Dessa vez, foi por vontade de Deus. Dessa vez, é pra ficar. Nunca brigamos, ou discutimos, nem temos tempo pra isso. Temos tempo só pra aproveitarmos cada momento juntos. Hoje já confiamos um no outro, não damos espaço pra boatos, intrigas ou fofocas. Queremos apenas nos amar…

Por isso eu digo que, quando menos esperamos, o amor vem, o verdadeiro amor vem, de um momento inesperado. Mas, também, quando chega, é gostoso demais, é gostoso você senti-lo e aproveitá-lo.

Também quer compartilhar a sua história? Entre em contato conosco e saiba como participar!

Related Posts with Thumbnails
8 Comentários      Postado por Ele / Ela
­
­

8 Comentários »

  • Fernanda B. disse:

    adorei a história…
    quando é pra ser acontece exatamente na hora q os 2 estiverem preparados para isso.
    Felicidades!!!

  • Alessandra disse:

    Amei a sua história. Linda demais..

    Vocês foram feito um pelo o outro. Nem o tempo foi capaz de apagar o amor de vocês dois.

    Felicidades

  • Mari disse:

    Uai… se vc já tinha terminado com o Thiago antes de ver o Augusto, o que vc tava fazendo com uma revista de noivas?

  • Nara disse:

    Gente! Se vcs não morrerem juntos, não sei oq pensar, passaram por tantos obstáculos pra ficarem juntos nunca vi uma história com tanta reviravolta haeuhauea! Parabéns!

  • Patricia disse:

    Aimmmm lindaaa mesmoOo a estóriaa de vcs!!!

  • Gabi disse:

    Tenho uma história parecida, mas ainda não ficamos juntos… Espero que isso acontecça um dia!

    Felicidades a vcs!

    Bjs

  • Aninha disse:

    Acheiiii… Mto legal… Espero q Deus tbem me abencoe com uma historia tão linda qto a sua…. Deus cuide e guarde vcs dois sempre… um Enormeee abraco . Ana!

  • Thiago disse:

    Essa história tem cara de que é mentira em várias partes, principalmente por vc falar que foi coincidencia, vc tava prestes a casar e encontrou um amor antigo, e por isso acabou, e nao pq foi coincidencia…

Participe! Deixe sua opinião.


Para sua foto aparecer nos comentários:

1. Crie uma conta no www.gravatar.com;
2. Escolha uma foto de sua preferência;
3. Certifique-se de preencher o campo 'email' com o mesmo email cadastrado lá;
4. Pronto! Sua foto irá aparecer em diversos blogs que utilizam o gravatar nos comentários!

Antes de comentar aqui, lembre-se:

* Você é inteiramente responsável por suas palavras, pense direito sobre o que vai escrever.
* Lembre-se que pessoas como você escrevem esse blog, respeito é sempre bom.
* Os comentários dependem da aprovação dos administradores desse blog, isso pode levar algum tempo.
* Nossa intenção é interação com os leitores, suas palavras aqui não serão em vão.

Assim que terminar de escrever o comentário, de um sorriso e clique em "Comentar logo". :P

Adicione seu comentário abaixo, ou retorne para os posts. Você pode comentar subscribe to these comments via RSS.

Seja simpático. Mantenha-se limpo. Permaneça no tópico. Sem spam.

Vocêpode usar as tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>