Home » Coisas dela, Histórias

“Será que o problema é comigo?”. Às vezes, é…

3 outubro 2011 6 Comentários       Postado por Ele / Ela

*por Jennifer

Minha vida amorosa nunca foi das melhores. Relacionamentos vieram e foram e eu sempre me fazia a mesma pergunta: “o que há de errado comigo?”. Quero dizer: bonita, inteligente, sempre dei conta do recado… Nunca entendi o porquê de, não poucas vezes, levar um fora do tipo “não quero compromisso” e dali a algumas semanas o sujeito engatar um relacionamento sério com outra.

Na última das minhas fossas, uma amiga me empurrou um livro de autoajuda para mulheres solteiras (aka encalhadas que não sabem como laçar um homem). Juro que fiquei com vergonha de lê-lo, e sempre o carregava escondidinho.

Problemas na relação
Você tem várias qualidades, mas… será que não está afastando as pessoas?

Nele identifiquei várias características minhas que funcionavam como autossabotagem. Sempre fui muito carente, reclamona, dramática, me apagava fácil e falava tudo da minha vida nos primeiros cinco minutos. Convenhamos, que homem gosta disso? Coloque-se no lugar do cara: gostaria de ouvir alguém dando chilique, fazendo doce e querendo DR o tempo todo?
Confesso que ri de várias partes, e vários conselhos ali eu simplesmente joguei no lixo. Mas fiquei curiosa. Um livro tão vendido não poderia ser pura balela.

Coincidentemente, na semana em que terminei de ler conheci um cara, na internet mesmo. Resolvi que ele seria a vítima dos conselhos que a autora enfiou em minha cabeça. Comecei a mudar as atitudes negativas de antigamente, fui misteriosa, simpática, parei de falar dos problemas e reclamar (guardei essa parte para descontar nas amigas, um beijo!), deixei ele pensar que tinha o controle da situação e ao mesmo tempo sentir que não me tinha na mão. Duas semanas depois fui para a cidade dele, saímos e tivemos uma noite maravilhosa. Por eu ter ido para a cama no primeiro encontro, cogitei a possibilidade de ele não me dar mais bola (sim, ainda existe esse tipo de gente). Mas, ao contrário, ele foi um fofo e nos falamos todo dia cheio de mimimis – e eu continuando a seguir os conselhos do livro.

Contei essa história para algumas amigas, e de repente virei guru do amor. Justo eu, que não namoro há 4 anos e só me ferro nessa vida amorosa. O fato é que o tal livro de autoajuda foi divisor de águas na minha existência como mulher. Me abriu os olhos para algumas atitudes e manias que não eram saudáveis, nem para mim, muito menos para meus relacionamentos, me mostrou que eu posso ser mais interessante e que existe uma maneira X de lidar com os homens. Sim, o relacionamento homem vs. mulher acaba sendo um grande jogo, mas também todos os nossos relacionamentos o são.

Não acredito que devemos mudar quem somos por outros. Não concordo em fazer cu doce pra conquistar homem. Se fazer de difícil e morrer de angústia não vai ajudar. Não acredito em manipulação do outro. Ler milhões de livros não vai resolver todos os problemas.

Acontece que eu li um bom livro, olhei pra dentro de mim, identifiquei coisas que eu devia mudar e que consequentemente influenciaram o modo como lido com a minha vida amorosa.

De vez em quando vai bem uma autoanálise. Relacionamentos saudáveis são feitos de pessoas saudáveis. E é preciso aceitar que, sim, às vezes o problema está com a gente.

Related Posts with Thumbnails
6 Comentários      Postado por Ele / Ela
­
­

6 Comentários »

  • Sabrina disse:

    E qual é o nome do tal livro?

  • Andrea disse:

    Também gostaria de saber qual o título desse livro!

  • Adriana disse:

    Eu também quero saber o título desse livro!!!!!!

  • Nana disse:

    Eu sempre achei que tudo isso era óbvio. :)

  • Ana disse:

    Gostaria de saber o nome do livro também . Desde já muito obrigada !

  • Nina disse:

    Olá…

    Gostaria de saber o nome do Livro….

Participe! Deixe sua opinião.


Para sua foto aparecer nos comentários:

1. Crie uma conta no www.gravatar.com;
2. Escolha uma foto de sua preferência;
3. Certifique-se de preencher o campo 'email' com o mesmo email cadastrado lá;
4. Pronto! Sua foto irá aparecer em diversos blogs que utilizam o gravatar nos comentários!

Antes de comentar aqui, lembre-se:

* Você é inteiramente responsável por suas palavras, pense direito sobre o que vai escrever.
* Lembre-se que pessoas como você escrevem esse blog, respeito é sempre bom.
* Os comentários dependem da aprovação dos administradores desse blog, isso pode levar algum tempo.
* Nossa intenção é interação com os leitores, suas palavras aqui não serão em vão.

Assim que terminar de escrever o comentário, de um sorriso e clique em "Comentar logo". :P

Adicione seu comentário abaixo, ou retorne para os posts. Você pode comentar subscribe to these comments via RSS.

Seja simpático. Mantenha-se limpo. Permaneça no tópico. Sem spam.

Vocêpode usar as tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>