Home » Família, Geral

Texto de leitor: “Depois que nosso filho nasceu, minha esposa não liga mais para mim!”

19 agosto 2011 4 Comentários       Postado por Diário responde

Dias atrás, um leitor mandou um email pra nós. Resolvemos atender o pedido dele e duas pessoas da equipe vão dar suas opiniões sobre o caso. Se você também tiver alguma dúvida, mande pra gente que responderemos por aqui.

Boa tarde,

Bom, gostaria de parabenizar pelo blog. Todo o conteúdo é muito bom. Eu gostaria que meu caso fosse analisado pelos homens e pelas mulheres do blog, se possível.

Meu nome é Bruno, tenho 25 anos. Minha esposa tem 23 anos e temos um filho de oito meses.

Minha esposa, de uns tempos prá cá, parou de se cuidar, parou de se arrumar, não liga mais para o nosso relacionamento, nem para o corpinho que ela tinha. No período da gravidez, ela ganhou 9 kg, depois perdeu 10 kg. No quarto mês após o nascimento, ela já engordou 14 kg. Tento falar pra ela que ela está fora do peso, que o sexo já não está mais a mesma coisa, mas ela sempre me diz que a estou colocando para baixo e que eu falar não vai adiantar nada, que e tudo que eu faço é para agradar as mulheres na rua.

Ajudem-me, por favor! Meu desejo por minha mulher está acabando, pois ela não quer tentar nada de novo na cama, fica sempre me dizendo coisas estranhas, do tipo que vive sonhando que eu a estou traindo.

Casal com filho
A família cresceu: bom ou ruim?

Bem, conforme o pedido, aqui vão duas opiniões, uma masculina e uma feminina, para ajudar nosso amigo Bruno.

Cadu:

Uma dura tarefa em um relacionamento é realizar críticas de maneira construtiva e sem ofender a outra pessoa. Dizer “não estou gostando disso em você” sem ofender ou magoar a pessoa realmente é algo que precisa de tato e muita diplomacia.

O diálogo é uma arma poderosa e parte integral de um relacionamento. Sente-se com sua esposa e converse com ela de maneira sincera, mas tendo em mente que ninguém fica realmente feliz em receber criticas, mesmo que elas sejam “para seu próprio bem”.

Coloque-se no lugar dela. O marido está dizendo que ela não está bem e que ele não está feliz com o corpo dela. Mesmo que você tente mostrar que ela possui outras qualidades admiráveis ou que a ama, é algo que pode mexer com a autoestima da mulher e causar um efeito contrário do desejado. No lugar de estimular uma mudança, vai causar um desalento e a crítica se tornará mais forte que o desejo de sanar o problema.
Por isso, falar algo assim precisa ser com amor e paciência muito além do convencional. É preciso estimular sem pressionar. Ela, provavelmente, está dividida entre os afazeres domésticos, dar atenção ao filho de vocês e a pressão de não se sentir desejada (algo que toda mulher PRECISA sentir). Ou seja, ela não vai largar tudo para se cuidar.

Ficou óbvio um ciúme e insegurança da parte dela. Novamente destaco que você realmente deve incentivá-la e lembrá-la de que ela deve se cuidar, mas sempre com muita paciência e amor, algo que nunca é fácil. Imagine que esse ciúme tem origem em uma baixa autoestima dela, e que combinado com suas críticas, a chance de isso virar uma bomba é muito alta.
Procure também uma ajuda profissional. Converse com um psicólogo ou com o médico dela sobre os efeitos do pós-parto na psique da mulher e peça conselhos sobre como agir. Passe tempo com ela, arrume alguém de confiança que possa cuidar da criança e façam programas apenas vocês dois. Você pode pensar que talvez seja uma boa ideia realizarem uma atividade física para ajudá-la. No entanto, quando falo que vocês devem passar um tempo juntos não deve haver nenhum outro objetivo nisso a não ser compartilhar o tempo e experiência de vocês. Conversem, deem risada juntos! Não há nada melhor num relacionamento.

 

Mayara:

Não me resta muito a dizer, depois desse banho de sabedoria despejado por nosso amigo Cadu! Entretanto, como o leitor pediu também um parecer feminino e como eu acredito no amor, eis-me aqui para tentar ajudar a salvar um relacionamento. Ou melhor, uma família!

Em primeiro lugar, quero dizer ao nosso amigo Bruno para tentar ser mais compreensivo com sua esposa. Ela, agora, não é mais só um “corpinho”, nem só sua “namorada”. Ela agora é mãe. Mãe do seu filho. E quando uma mulher se torna mãe, suas prioridades mudam completamente.

Quem sabe não é o caso de você tentar se reaproximar de sua esposa de outras formas? Uma mulher valoriza muito as atitudes de um homem – e o desejo sexual está diretamente relacionado à felicidade com o relacionamento.

Preste atenção nas pequenas atitudes que você pode tomar para tentar melhorar o clima entre vocês. Por exemplo: você a ajuda com os afazeres domésticos, ou lhe dá uma mãozinha para cuidar do bebê? Quem sabe se ela tivesse mais sua parceria, seu companheirismo, ela conseguiria resgatar um pouco de sua alegria e sua autoestima, e vocês voltariam a estar em sintonia.

Eu entendo que você se sinta frustrado pelo relacionamento ter esfriado, mas você poderia aproveitar esse momento de crise para mostrar a ela que é um homem adulto, que a valoriza sobretudo como pessoa, que a ama como mulher – independentemente de quanto ela esteja pesando! – e que está feliz por ter constituído uma família com ela.

Por outro lado, essa história vem muito a calhar com algo que se observa em muitos casos: o comodismo, que redunda em relaxo. Nesse caso, tem um fator a mais, que é o filho. Muitas mulheres cometem esse erro de, ao terem um bebê, se esquecerem completamente do resto do mundo – inclusive do marido – e passarem a se dedicar apenas ao filho.

Obviamente, não há como manter o mesmo estilo de vida anterior ao nascimento do bebê, mas é preciso ter em mente que o filho deve vir para somar-se à família, e não para causar um afastamento entre os pais.

Se eu tivesse que dar um conselho a essa esposa, seria: Ser mãe certamente é o momento mais lindo da vida de qualquer mulher, mas não deixe de ser você mesma, de investir na sua própria vida e no relacionamento, não renuncie a tudo para cuidar do seu filho. Pelo contrário, a criança será muito mais feliz se crescer num ambiente harmônico, vendo seus pais sendo companheiros um do outro, e se tiver uma mãe forte, alegre e ativa.

Anular-se em nome do filho, afastar-se de tudo e de todos só a fará infeliz. Mantenha sua autoestima, cultive seu casamento, converse mais com seu parceiro. Certamente, ele também está falhando em algum aspecto com você, e juntos vocês poderão resolver isso, como bem disse nosso amigo Cadu.

Mas, se realmente, a sensação for a de que não há solução, talvez fosse o caso mesmo de se consultar com um psicólogo, avaliar se não está sofrendo de algum transtorno, como depressão pós-parto, por exemplo.

A única coisa que não pode, nesse caso, é se acomodar e esperar o relacionamento terminar de ruir. Isso não será bom para nenhum de vocês três!

Related Posts with Thumbnails
4 Comentários      Postado por Diário responde
­
­

4 Comentários »

  • Giane disse:

    Já ouviu falar em depressão pós parto? e que pode durar anos? Pra mim você parece bem egoísta, leia bem o que você disse sobre sua esposa. Como a Mayara falou, o que você está fazendo pra mudar isso???? Você a ajuda? estimula o relacionamento como antes? Um filho muda tudo, pode ter certeza, mas muda pra melhor se vcs dois, e não só ela mudar também.
    Cuidar de um filho que depende integralmente de você é mto bom mas ao mesmo tempo muito estressante, a mulher realmente não tem tempo pra ela mesma.
    E falo com propriedade, engravidei 4 anos atrás , na época de um namorado e hoje marido. E sempre foi assim… A criança precisa mais da mãe , é claro, mas meu marido sempre me dava um tempo, um tempo pra mim… pra me cuidar, pra ler, pra não fazer nada… E me estimulava, lia comigo artigos sobre maternidade, se interessava pelo novo universo.
    Reveja algumas atitudes suas… vai fazer muito bem!

  • Diógenes disse:

    Amigo, minha esposa está gravida estamos no quarto mês de gestação e as mudanças de humor e hormonais são intensas já na gestação é um turbilhão de emoções. Entendo o seu lado pois passa na cabeça do homem que está sendo deixado de lado, mas acredite que a natureza humana é sábia quando a mulher tem um filho a sua anatomia e biologia se volta toda para a sua cria, o apetite sexual pode chegar a 0 tudo para ela se voltar para a perpetuação da especie pois mesmo estando em um mundo moderno nossa natureza sempre está voltada para a procriação, então a mãe se volta para o seu filho, para que ele tenha toda atenção e que sua atenção não seja voltada para outra coisa

    Então meu amigo tenha paciência pois se está sendo complexo para você imagine para sua esposa. Imagine você passar 9 meses com um ser atrelado ao seu organismo 24 horas e de uma hora para outra ele ser arrancado de você e ainda ter que dar atenção a uma nova vida e ao marido e tudo isso sendo mãe de primeira viagem , os medos e desejos as cobranças tudo se mistura.
    Converse com ela, mostre seu amor que sente a sua falta mas nada de cobranças

    Espero ter ajudado abraços

  • Lais disse:

    Opinião de quem teve bebê a pouco tempo. Logo que meu filho nasceu, meu desejo sexual diminuiu bastante também, assim como minha vontade e disposição pra me cuidar, me arrumar, enfim. Incrivelmente, também tinha sonhos em que meu marido me traia! Acho que tudo isso é hormonal, juntamente com a mudança drástica de vida que um bebê trás. Normalmente a mãe se sente sobrecarregada com tantos afazeres e responsabilidades para com o bebê e, consequentemente, o sexo fica em último lugar na lista de prioridades. O marido passa a ser mais um cara que vai ajudar a mulher a passar por esse periodo turbulento e deixa de ser um amante, confidente…
    Claro que também existe a depressão pós-parto, que deve ser investigada e tratada. São coisas que vcs tem que sentar e conversar aberta e francamente.

  • Carol disse:

    Tenho certeza de que ele sabe que um filho chega ao mundo para dar toda a felicidade, principalmente para nós Mães… Sei também que nosso tempo diminui completamente e com a maioria acontece de ficar um pouco pra baixo, deixar um pouco de se arrumar, até mesmo pelo tempo ser curto.. ficamos mais largadas. Todo homem é assim, gosta de ver sua mulher arrumada que o sexo seja bom… é da raça. rs
    Mas experimente ajudar ela um pouco, para que ela possa ter um tempo para se arrumar, cuidar um pouco dela.. não coloque o peso todo sobre as costas dela, por que um filho é lindo é a melhor sensação do mundo, mas cansa.. e muito. Elogie mais sua parceira, diga coisas bonitas… por que muitas vezes a mulher fica assim, pelo parceiro perder o tesão, ficar cobrando sua aparência e tudo isso pode mudar se você como marido quiser, de valor a sua esposa, pense que ela é realmente uma pessoa linda e com um corpinho lindo como tu mesmo disse, para que isso volte você precisa amar ela mais do nunca principalmente neste momento, estimule ela dando o seu carinho, sua ajuda… faça agrados… tudo isso se você a ama. Tenho certeza que tudo ficará normal e vocês poderão curtir o filhinho de vocês com muito amor. Não pense que isto é um motivo de rompimento, isto é completamente normal.. afinal do mesmo jeito que você perde o tesão por ela por que repara em sua gordura e em sua aparencia ela não deve fazer nada para mudar por que você também não esta agradando… ame sua família.

Participe! Deixe sua opinião.


Para sua foto aparecer nos comentários:

1. Crie uma conta no www.gravatar.com;
2. Escolha uma foto de sua preferência;
3. Certifique-se de preencher o campo 'email' com o mesmo email cadastrado lá;
4. Pronto! Sua foto irá aparecer em diversos blogs que utilizam o gravatar nos comentários!

Antes de comentar aqui, lembre-se:

* Você é inteiramente responsável por suas palavras, pense direito sobre o que vai escrever.
* Lembre-se que pessoas como você escrevem esse blog, respeito é sempre bom.
* Os comentários dependem da aprovação dos administradores desse blog, isso pode levar algum tempo.
* Nossa intenção é interação com os leitores, suas palavras aqui não serão em vão.

Assim que terminar de escrever o comentário, de um sorriso e clique em "Comentar logo". :P

Adicione seu comentário abaixo, ou retorne para os posts. Você pode comentar subscribe to these comments via RSS.

Seja simpático. Mantenha-se limpo. Permaneça no tópico. Sem spam.

Vocêpode usar as tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>